Notícias - Resende

Parto de cachorra, da raça Labrador, aconteceu neste sábado, dia 29, às 17h, com o nascimento de 14 filhotes

 

O Hospital Veterinário Público de Resende realizou a cesárea de emergência de uma cachorra da raça Labrador, que deu à luz 14 filhotes neste sábado, dia 29, às 17h. A intervenção cirúrgica de alta complexidade foi possível graças à estrutura moderna da unidade pioneira na região, aliada aos profissionais especializados e experientes. Dos 14 filhotes gerados, seis fêmeas e oito machos. A cachorra chamada Pretinha, que mora com sua tutora no bairro Lavapés, e seus filhotes receberam alta hospitalar no domingo. Um macho não resistiu e veio a óbito.

 

O diretor-geral do Hospital Veterinário, Felipe Quinane, explicou como foi realizado o procedimento de alto risco, lembrando que a infraestrutura da unidade favoreceu para o sucesso do parto.

 

— Pretinha é uma cachorra saudável e bem cuidada. Ela chegou ao hospital passando mal no sábado, gerando complicações no parto. A cesariana contou com a participação de seis profissionais do hospital (um cirurgião, um anestesista, um instrumentador, dois auxiliares e um estagiário), que se empenharam durante aproximadamente uma hora e meia para o nascimento dos filhotes. A posição dos filhotes foi fator complicador nesta gestação da cachorra, que possui cerca de seis anos de idade. Conseguimos salvar tanto a mãe quanto os filhotes nesta cesárea delicada, que inspirava muitos cuidados. Vale destacar que, desde o dia 14 de agosto do ano passado, Resende oferece atendimento gratuito para cães e gatos com excelência. Cada vez mais, a unidade vem recebendo novos equipamentos e recursos tecnológicos para atender a alta demanda, além de contar com profissionais competentes e humanizados – explica.

 

ESTRUTURA

 

A unidade disponibiliza atendimento clínico, cirurgias e procedimentos e serviço de castração, entre eles: suturas de ferimentos; curativos e bandagens; cirurgia de piometra; cirurgia de prolapso retal; curativo ou retirada de unhas fraturadas; operação de retirada de baço; imobilização de membros fraturados, quando possível; ultrassonografia para fins diagnósticos; internação; soroterapia; aplicação de medicamentos para animais em internação; amputação de membros, quando for o caso; retirada de tumores de pele e mama, quando necessário; exames laboratoriais; enucleação; redução de protusão de globo ocular; otohematoma; desobstrução uretral; cesária de emergência com ovariosalpingohisterectomia; cistotomia; e herniorrafia abdominal.

 

A unidade hospitalar veterinária é destinada ao atendimento gratuito dos animais domésticos da cidade, em especial, famílias de baixa renda, que não têm condições de arcar com despesas de tratamentos e procedimentos cirúrgicos. Na primeira fase de implantação, atende, exclusivamente, cães e gatos residentes em Resende, onde tutores devem comprovar residência fixa. Funciona na Estrada Resende-Riachuelo, no bairro Morada da Colina, e possui: três consultórios; uma sala de anestesia; uma sala de isolamento; um ambulatório; uma sala de internação; um centro cirúrgico; uma sala de raio-X; um laboratório; uma sala de recuperação; copa; sala de repouso para os plantonistas; sala de antissepsia; farmácia; almoxarifado; recepções externa e interna; e quatro banheiros.

 

De acordo com o balanço feito pela equipe da unidade de saúde, no período de agosto de 2020 até o dia 16 de abril de 2021, foram realizados: 20.064 atendimentos; 13.956 exames de sangue; 2.978 exames de raio-X; 3.716 exames de ultrassom; 657 cirurgias; e 2.546 internações de animais domésticos.

Foto:Divulgação


Publicidade

Share
 
Rua Pedro Maria Neto, 17/101 - Aterrado - 27.215-590 - Volta Redonda - RJ
Todos os direitos reservados - 2021
Guia Comercial Sul Fluminense
© 2009 / 2021 Guia Sul Fluminense - Desenvolvido por ABCMIX - 2021