Notícias - Resende

Nesta semana, alunos de duas unidades foram contemplados: Escola Municipal Maria de Assis Barboza, no bairro Cabral; e Creche M. Morro do Cruzeiro

 

A Prefeitura de Resende, por intermédio da Secretaria Municipal de Saúde, segue com a distribuição de kits educativos alusivos à luta contra o Aedes Aegypti nas unidades de ensino da região do Grande Paraíso, visando conscientizar e orientar os estudantes quanto aos cuidados para evitar a proliferação do mosquito. Nesta sexta-feira, dia 28, foram entregues kits para alunos da Creche Municipal Morro do Cruzeiro. Nesta semana, também foi a vez de contemplar 385 alunos da Escola Municipal Maria de Assis Barboza, no bairro Cabral. Esta unidade educacional também ganhou um container para o descarte de materiais recicláveis, que serão destinados ao Programa Municipal de Coleta Seletiva de Resende. A ação da entrega dos kits faz parte do projeto “Educação Ambiental para o Enfrentamento do Aedes Aegypti”, desenvolvido por meio de convênio firmado entre o governo municipal e a Funasa (Fundação Nacional de Saúde).

 

Até agora, foram entregues aproximadamente 1,2 mil kits para alunos em seis unidades: na Escola Municipal Governador Roberto Silveira, no bairro Paraíso; na Creche Municipal Favo de Mel, no Cabral; na E. M. Educação Pré-Escolar Bairro Alambari, no Alambari; E. M. Geraldo da Cunha Rodrigues (Ciep 342), no São Caetano; E. M. Professor Oswaldo da Rocha Camões, no Alambari; Escola Municipal Maria de Assis Barboza: e Creche M. Morro do Cruzeiro.

 

O material encontrado dentro da bolsa saco personalizada pode variar: squeeze; régua; borracha; lápis; caneta; e boné.

 

A coordenadora de Projetos da Secretaria de Saúde, Cristina Rosadas, destacou que o projeto busca conscientizar a população sobre as medidas necessárias para eliminar focos que possam virar criadouros do mosquito Aedes, entre outras ações preventivas.

 

— A partir do convênio com a Funasa, foi destinada uma verba para a realização de diversas atividades educativas no combate ao mosquito Aedes, que é o vetor de diversas doenças causadas por vírus, como dengue, zika, chikungunya e febre amarela. O projeto já proporcionou oficinas de reciclagem aos moradores da região do Grande Paraíso. As oficinas gratuitas de sustentabilidade ensinaram os munícipes a reutilizar materiais recicláveis, evitando, desta forma, o descarte indevido de resíduos no meio ambiente. Já os kits são distribuídos para os estudantes, que são multiplicadores de ideias e ações de educação ambiental no enfrentamento às arboviroses. Em tempos de pandemia da Covid-19, é importante lembrar que os moradores devem continuar se dedicando na limpeza de seus quintais e recipientes que possam virar depósito de acúmulo de água, como baldes, pratos de plantas, potes, calhas, garrafas e pneus, entre outras atitudes simples que podem salvar vidas – explica.

Foto: Raimundo Brasil


Publicidade

Share
 
Rua Pedro Maria Neto, 17/101 - Aterrado - 27.215-590 - Volta Redonda - RJ
Todos os direitos reservados - 2021
Guia Comercial Sul Fluminense
© 2009 / 2021 Guia Sul Fluminense - Desenvolvido por ABCMIX - 2021