Parceria entre prefeitura de Resende e UERJ disponibiliza mapeamento da Covid-19 em site

Parceria entre prefeitura de Resende e UERJ disponibiliza mapeamento da Covid-19 em site

Conforme última atualização de acessos verificada na quarta-feira, dia 24, já foram contabilizadas 6.703 visitas na página, que entrou no ar no dia 19 deste mês

 

A situação dos casos do novo coronavírus (Covid-19) no município de Resende ganhou projeção em painel digital disponível no link https://dash-covid-uerj.herokuapp.com/, que permite que a população tenha facilidade ao visualizar informações mais detalhadas da evolução diária da pandemia. A nova plataforma, que entrou no ar no último dia 19, foi criada a partir de parceria entre a Prefeitura Municipal de Resende e a UERJ (Universidade do Estado do Rio de Janeiro). De acordo com a última atualização de acessos verificada na quarta-feira, dia 24, já foram contabilizadas 6.703 visitas na página, que proporciona uma leitura bem dinâmica com gráficos, indicadores baseados no Boletim Covid-19 e dados extras fornecidos pelo governo municipal e a localização geográfica dos casos no município.

 

O Boletim Covid-19, que é divulgado todos os dias na página oficial da Prefeitura no Facebook, reúne os seguintes indicadores: casos confirmados, descartados e aguardando resultado; curados; óbitos; síndromes gripais dos casos notificados, com subgrupos de curados e suspeitos em isolamento; confirmados por RT-PCR (Transcrição reversa seguida de reação em cadeia da polimerase) e teste rápido sorológico. Já no dashboard, interface gráfica utilizada para exibir as informações detalhadas, o foco é a demanda do novo coronavírus, sem especificações relacionadas ao levantamento das síndromes gripais e aos exames confeccionados.

 

A superintendente de Vigilância em Saúde da Prefeitura, Carolina Bittencourt Castro Ferraz, explica como é realizado o trabalho conjunto, que amplia a compreensão dos munícipes e interessados com um panorama do levantamento estatístico.

 

— A Prefeitura, por meio da Secretaria Municipal de Saúde, vem realizando o acompanhamento de todos os casos do novo coronavírus (Covid-19) na cidade. O trabalho é executado por uma equipe multiprofissional, composta por 33 pessoas, sendo a maior parte oriunda da Superintendência de Vigilância em Saúde/Serviço de Epidemiologia e os demais remanejados de outros setores do governo municipal suspensos durante a pandemia, além de funcionários do Centro de Referência em Saúde do Trabalhador (Cerest) da Região do Médio Paraíba II, com sede em Resende. O serviço consiste em monitorar os pacientes internados com a doença Covid-19 e os contactantes próximos deles, bem como agendar coleta de exame sorológico e elaborar relatórios e levantamento estatístico. A partir dos dados apurados pela central de estatística, pesquisadores e alunos da UERJ desenvolvem o conteúdo diário do dashboard, que oferece recursos mais avançados de forma transparente, rápida e bem acessível. A plataforma permite o acompanhamento diário de casos novos e acumulados e dos óbitos, além da identificação de grupos acometidos por faixa etária e sexo. Também é possível visualizar a localização geográfica dos casos confirmados no município. Apresenta ainda o número de pacientes internados e em isolamento domiciliar, na data da publicação – frisa.

 

A professora Dra. Luciana Ghussn, do Departamento de Mecânica e Energia da Faculdade (FAT-UERJ), também coordenadora do Núcleo de Extensão, explicou como surgiu a ideia do dashboard, que já registrou alta nos acessos desde sua implantação. “O Projeto Covid-19/Resende nasceu de uma parceria entre a Prefeitura de Resende e a UERJ, representada pelo Campus de Resende, situado no km 298 da Rodovia Presidente Dutra, e pelo Campus de São Gonçalo, na Faculdade de Formação de Professores (FFP). O projeto conta com a participação de pesquisadores e alunos das unidades educacionais. Vale destacar que a procura pelas informações detalhadas é alta. Em poucos dias, foram 6.703 visitas na página. Até o momento da atualização, 3.385 usuários entraram na página, que verificou 4.828 sessões iniciadas. Foram identificados visitantes de outras cidades como Volta Redonda, Rio de Janeiro, Barra Mansa e Itatiaia. O objetivo foi facilitar o entendimento da evolução dos casos na cidade por região, que serve também como um alerta para que as medidas restritivas sejam respeitadas cada vez mais. O padrão de comunicação estabelecido ainda evidencia o sexo e a faixa etária das pessoas infectadas”, destaca.

 

A superintendente lembra que o rastreamento de contatos, conhecido como Contact Tracing, feito pela base de estatística da Prefeitura, no prédio no Manejo, é fundamental para a construção do novo painel.

 

— Fazer o mapeamento de pessoas infectadas pelo novo coronavírus, que são submetidas à quarentena através de isolamento domiciliar nos casos mais leves ou tratamento hospitalar para as situações mais severas com complicações respiratórias, por exemplo, é primordial para o resultado estatístico. Por sua vez, os índices ajudam no planejamento de estratégias e na tomada de decisões governamentais importantes durante a pandemia. A identificação dos casos é viável a partir do recebimento da notificação de cada caso que as Unidades de Saúde atendem, conforme normas do Ministério da Saúde. Após a detecção dos indivíduos acometidos pela doença, a equipe segue para a etapa de localização das pessoas que mantiveram contato com aqueles infectados. O trabalho previne que os possíveis casos de infectados pela doença circulem pelas ruas transmitindo o vírus, já que são orientandos a entrar em quarentena com tempo estipulado de 14 dias. Por ligações telefônicas, os profissionais marcam a coleta do exame sorológico dos pacientes e seus respectivos contactantes. Todo o acompanhamento de cada paciente e seus contactantes ocorre no período de duas semanas por telefone ou mensagem por aplicativo – complementa.

 

A equipe também desenvolve o atendimento por telemonitoramento e videochamada, onde o paciente conversa, pelo aplicativo, diretamente com um médico da Secretaria Municipal de Saúde.

 

ÚLTIMO BOLETIM DO FACEBOOK

O último Boletim Covid-19 de Resende, divulgado nesta quarta-feira, dia 24 de junho, no Facebook da Prefeitura, contabilizava: 409 casos confirmados, sendo 144 constatados pelo exame RT-PCR (Transcrição reversa seguida de reação em cadeia da polimerase) e 265 por teste rápido sorológico; 1.960 casos descartados; seis casos aguardando resultado; 362 curados; 21 óbitos; e 2.744 síndromes gripais, com 2.520 pessoas já curadas e o restante em isolamento.

 

Leia também: