Guia comercial e classificados on-line.

"Parati ocupa Paraty" se destaca pelo engajamento dos moradores
por Giovanni Nogueira
 
     Se você for a Paraty, procure pelos produtos produzidos pelos moradores locais. É muito fácil ir até o Centro Histórico e adquirir produtos manufaturados que muitas vezes vêm de outras partes do país. Já os produtos artesanais feitos com o esmero pelo pequenos produtores é certeza de produção local feita minuciosamente e com carinho.
 
Foto: Giovanni Nogueira
 
PARATI OCUPA PARATY
 
     Eles não chegam a uma centena, mas se juntaram com muita vontade há pouco mais de um ano e realizaram o primeiro evento durante a FLIP deste ano. Assim nasceu não só o movimento "Parati ocupa Paraty", mas um grande elo formado por vários pequenos grupos que defende que há uma cidade comercializada e terceirizada a produtores e empresários de fora. Uma das participantes, Clara Melo explica o nome.
     - Pesquisando observa-se que o nome de Paraty com "y" é usado de forma comercial, enquanto que Parati é o nome usado de forma oficial até mesmo pelos Correios. Então há duas Parati(y)s e é isso que queremos mostrar. A real Parati ocupando a Paraty comercializada.
 
UNIÃO E DIVERSIDADE
 
     Na feira estão os grupos da Ecosol (Economia de Solidária), o pessoal de Paraty Mirim, Quilombo do Campinho, a Associação de Produtores Rurais, além de artesãos da economia solidária e da Associação Cultural Recreativa e Folclórica de Tarituba que tem as chamadas "meninas de Tarituba".
     Elas por sua vez, além do grupo de Ciranda, tem uma espécie de produtora de jogos artesanais pedagógicos e brinquedos educativos, o "selo" BeeZum. Aldia Lara, falou do evento.
     - É importante sempre melhorar e dar visibilidade para os trabalhos. Lá em Tarituba por exemplo, nos mobilizamos para fazer uma um evento literário com o envolvimento de várias pessoas como os professores Fabiano de jesus e a Andrea Andrade, entre outros.
 
BIBLIOTECA FAZ OFICINAS
 
     A feira conta com tendas que são emprestadas pela secretaria de Promoção Socialde Paraty após pedido dos produtores. A primeira edição foi na Flip, a Feira Literária da cidade no meio do ano, e a segunda edição foi agora em outubro, durante o Mimo Festival. O evento tem até uma biblioteca organizada por Cláudia Bianconi, que explicou sobre a biblioteca Coralina da comunidade do Condado.
     - A gente acredita no poder da literatura e tem sempre várias livros repetidos a preços populares ou para troca por novas obras. Lá também realizamos oficinas para a comunidade, com vários voluntários, como a artista Camila Calvo, que faz oficinas belíssimas. Hoje aqui ela tem várias agendas eco-sustentáveis a preços populares para venda no estande.
 
CULINÁRIA
 
     Outro destaque da feira são os quitutes. Tem geleia do Quintal Agroecológico, tempero, pimenta, azeite, pão caseiro... muitas delícias. Angeli Nascimento, uma das experientes produtores, mostrava com orgulho seu tempero.
     - Tenho vários tipos de tempero, e sempre faço com muito carinho. Precisamos deste espaço e sempre de apoio para divulgar e movimentar a feira que é boa para todos os paratienses - destacou.
 

Seleção vai pra cima e vira com gols de Weverson e Paulinho

Por Giovanni Nogueira

     Após vencer bem a Honduras pelo placar de 3 a 0, a Seleção Canarinho enfrentou neste domingo a Alemanha pelas quartas de finais do Mundial sub 17, na Índia. O Brasil perdia pelo placar de 1 a 0, após pênalti convertido por Arp que marcou após erro de Luan. Brenner não jogou bem e foi substituído. No início do segundo tempo o Brasil foi pra cima, empatou com Weverson e virou com Paulinho após grande jogada pelo meio. O jogo foi transmitido pela Bandeirantes.

Foto: Reprodução da Internet

     O Brasil vem de excelente campanha, destacada pelo técnico brasileiro antes da partida.

     - Nós precisamos fazer um grande jogo, mas a evolução da minha equipe me deixa confiante. Estamos conseguindo subir um degrau por vez e o jogo contra a Alemanha é o mais importante até aqui - disse Amadeu

     Se o Brasil ganhou todos os seus jogos, a Alemanha perdeu uma partida para o Irã por 4 a 0 ainda na primeira fase, e goleou a Colômbia nas oitavas por 4 a 0. Agora o Brasil enfrenta a Inglaterra.

ÚLTIMOS CONFRONTOS

     Nos últimos duelos, não há como ninguém falar de Brasil versus Alemanha sem falar dos 7 a 1, que "nunca será vingado". A conquista brasileira da medalha de ouro nos Jogos Olímpicos de 2016, no Rio de Janeiro, nos pênaltis foi a última disputa - e a Alemanha estava com jovens jogadores.

     A semi-final será na quarta-feira, 25, às 9h15 da manhã e se passar vai à final sábado, 28, meio dia e quinze (ou contra a Espanha ou contra Mali) - a Bandeirantes transmite. 

 

Verão chegando... ainda tempo!

 

 

Equipamentos atuais foram criados há mais de 20 anos

     A Empresa de Processamentos de Dados (EPD) de Volta Redonda enviará à Câmara Municipal, ainda neste mês, um projeto de lei para a criação e a regulamentação do "VR Parking" (estacionamento rotativo). O novo sistema, que segue os mesmos moldes do Zona Azul de São Paulo, é uma tecnologia que substituirá os parquímetros físicos e a impressão do ticket por um aplicativo digital nas cobranças das vagas nos estacionamentos dos principais pontos comerciais do município. LEIA Nota Oficial da Prefeitura de VR - AQUI!

Foto: Reprodução da Internet

     As informações foram passadas pelo presidente da EPD, Matheus Moreira Cruz, responsável pela mudança, que explicou:

     - Os motoristas irão adquirir os seus tickets através de um aplicativo. É mais seguro e eficiente. Hoje, a manutenção dos atuais parquímetros é muito elevada. Temos os custos de recolher as moedas diariamente, de reposição de peças e impressão dos tickets - disse o responsável pela autarquia, que continuou.

     - A ideia da EPD é que seja realizada uma concessão do serviço para uma empresa privada prestar o serviço, com a fiscalização da prefeitura. Já foram realizados os estudos técnicos que demonstram a viabilidade do projeto.

 EQUIPAMENTOS VELHOS 

      Os atuais equipamentos, ainda de acordo com o presidente da EPD, são obsoletos e foram fabricados há mais de 20 anos. Dos atuais 56 equipamentos, 46 estão funcionando. Eles são divididos entre os bairros: Vila Santa Cecília (22 parquímetros), Aterrado (21), Avenida Amaral Peixoto (11), além da  Rodoviária Francisco Torres (dois).

     - São equipamentos franceses, que já saíram de linha pelo fabricante; no Brasil, existe apenas uma empresa habilitada para dar manutenção e suporte. Temos uma grande dificuldade para a reposição das peças - contou. 

 "ESTÁ NA HORA DE ACABAR COM AS MOEDINHAS - DIZ PREFEITO

      - O estacionamento rotativo precisa evoluir. Hoje, privilegia quem deixa o carro por muito tempo. Vai contra a mobilidade e contra a modernidade. Além disto, estamos atuando na questão do flanelinha. Está na hora de acabar com as moedinhas - disse o prefeito Samuca Silva.

Qualidade em 1º lugar!

 

Presidente Michel admite mudança

     Após polêmica envolvendo acirrados debates sobre a portaria acerca do trabalho escravo, o presidente Michel Temer admite mudanças na portaria com sugestões feitas pela procuradora-geral da República. Assim, o Ministro do Trabalho, Ronaldo Nogueira irá rever pontos específicos da portaria do Trabalho Escravo.

Foto: Reprodução da Internet

     Em entrevista ao site “Poder 360”, Temer disse que fará alterações na portaria que mudou as regras sobre trabalho escravo. Segundo o presidente, o governo irá editar uma nova portaria incorporando sugestões feitas pela procuradora-geral da República, Raquel Dodge, com quem o ministro do Trabalho, Ronaldo Nogueira, esteve duas vezes desde o início da polêmica. Estes encontros foram realizados em menos de 24 horas. Brevemente o ministro realizará as mudanças.

 

DELEGACIA ESPECÍFICA NA POLÍCIA FEDERAL

 

     De acordo com Temer, uma solução é criar dentro da Polícia Federal, uma delegacia específica para crimes de trabalho escravo, assim como já existe para crimes previdenciários e trabalhistas. Para justificar a decisão de criar a portaria, o presidente disse ter ficado impressionado com relatos feitos pelo ministro do Trabalho de casos em que entendeu não haver trabalho análogo à escravidão

     Temer negou que jornada exaustiva ou outras situações degradantes, que não impliquem restrição ao direito de ir e vir do trabalhador, tenham sido retirados da configuração de trabalho escravo:

     - Não me pareceu. Não é isso que está na portaria. A portaria que ele (ministro do Trabalho) me mandou, pelo menos, tem várias hipóteses, agora não me recordo de todas, mas reveladoras de que o trabalho degradante, o trabalho que impõe condições desumanas de vida é trabalho escravo. Não é só o direito de ir e vir, não. Direito de ir e vir está assegurado amplamente. Acho que nem tem sentido usar esse argumento. Não estou nem defendendo a portaria e nem condenando a portaria. Estou dizendo que ela está sofrendo objeções que estão sendo analisadas.

     Durante a entrevista ao site, o presidente "mostrou laudos de infração nos quais apareciam justificativas que considerou impróprias, como a falta de uma saboneteira e suporte para toalha numa área de chuveiros usada por funcionários de uma empresa – o que configuraria, segundo o laudo, condição degradante de trabalho"

 

A papelaria mais completa fica no Aterrado...

Av. Lucas Evangelista, 726

 

Pose "fazendo cocô" não é o que parece

Por Giovanni Nogueira

     No último fim de semana vários atletas que fizeram gols na rodada do brasileirão comemoraram seus gols de forma inusitada. Durante a comemoração, o jogador sentava de cócoras (acompanhado algumas vezes de seu colega de time) com as mãos levemente apoiadas no joelho. Que comemoração é essa gente? Fomos pesquisar, afinal, vários jogadores em todo o mundo repetiram o ato. Seria uma campanha? Seria um importante sinal? Seria uma bandeira contra a violência mundial? De onde veio tanta criatividade?

Foto: Reprodução da Internet

     A resposta para uma pergunta bem "falta do que fazer" é simples. A pose "de quebrada" foi divulgada-propagada-inventada pelo humorista Thiago Ventura. O comediante, nascido no interior de São Paulo, Taboão da Serra, usou a postura para brincar para com as comunidades paulistanas, e sempre posta essas fotos nas redes sociais usando o estilo. A pose acabou viralizando e chegou aos atletas da Seleção Brasileira. Neymar e Gabriel Jesus comemoraram contra o Chile, e este fim de semana pelo Campeonato Brasileiro e por outras competições em todo o mundo várias foram as poses. Um apresentador da Globo até brincou dizendo que a pose era a de "fazendo cocô", mas se pararmos e dermos uma olhada, lembramos bem da garotada sentada no meio fio e jogando conversa fora.

Foto: Reprodução da Internet

Foto: Reprodução da Internet

Foto: Reprodução da Internet

Foto: Reprodução da Internet

Foto: Reprodução da Internet

TELESPECTADORES SE DIVIDEM EM JUSTIÇA OU REDENÇÃO DE BIBI 

Por Giovanni Nogueira

     Com certeza um dos assuntos mais comentados das rodas de bate-papo - e até mesmo dos botequins de todo o Brasil (sim, os homens formam uma significante parcela dos "noveleiros") é a última semana da novela das nove da Globo. O destino dos principais personagens, a busca por justiça, os finais ideais de cada "telespectador-diretor" são conversas do café da manhã da família, do almoço, da fila da loteria, do banco e de diversas redes sociais.

Foto: Reprodução da Internet

     O fenômeno de audiência causado pelas novelas da Globo nunca foram novidade, mas foi a partir do fim dos anos 80, início dos 90, com "Quem matou Odete Roitman?", e com tramas mais próximas às realidades do brasileiro que as fórmulas da TV Globo emplacaram ainda mais clássicos das novelas. Personagens com trejeitos do povão, que lançam moda, usam gírias e apresentam comportamentos populares são grande chamariz para fazer o telespectador se ligar na novela.

     A Globo conta com experientes escritores que passeiam tanto por enredos históricos com muita aventura e com fundo temático baseado nas relações de amor, quanto em realidades mais atuais em que temas como traição, dogmas, debates sobre sexualidade, gênero, entre ouros são cada vez mais comuns.

ANTI-HERÓIS ?

     Agora, há de se destacar um detalhe que é muito bem claro em "A Força do Querer": a presença de muitos personagens não-estereotipados. Em "Game of Thrones" (seriado da Netflix): há a nítida desconstrução de personagens. Eles deixam de ser "apenas bons" ou "apenas ruins-maus", e tanto o bonzinho realiza ações que não são típicas do herói, e os "vilões", fazem boas ações. Assim, quem vê se surpreende a todo instante, pois todos os personagens tem aspectos bons e ruins.

     Em "A Força do Querer" muita gente revoltada nos salões de beleza com as colegas que defendem alguns personagens: "É um absurdo defenderem a Bibi, ela tem que pagar pelo que ela fez!". Porém há quem acha ela "descolada" além de serem fãs da brilhante Juliana Paes - na opinião deste jornalista, a mais bela mulher brasileira. Será que alguns dos queridinhos do público, como a Bibi, não são esses anti-heróis? Ou seja aqueles que fazem coisas ruins, e depois buscam acertar?

      A pergunta que nós fazemos é qual motivo elas atraem tantas pessoas? Talvez por serem mais próximos ao povo? Por serem polêmicas? Ao mesmo tempo que os personagens podem começar apresentando um lado bom, posteriormente podem realizar atitudes ruins, reconhecerem o erro, pedirem perdão, mudar (ou tentar mudar), e depois voltar a errar... Vimos isso em vários capítulos, não é mesmo? Você não conhece alguém assim?

POLÊMICAS

     Glória Peres se destaca por impulsionar ainda mais a audiência do horário com muitas polêmicas, comoções, histórias se interligando e personagens marcantes. O debate em "A Força do Querer" vai além da traição e do amor. A descoberta da sexualidade, o respeito às diferenças, as coitadinhas que começam inocentes e depois aprontam... o vício em jogos... São diversos os temas, mas os que mais chamaram atenção na novela foram o amor bandido e a transexualidade. Concorda?

     Em recente entrevista, a autora Glória Perez afirmou que as pessoas não querem enxergar a realidade que as cercam.

     — É coisa de gente que quer colocar a realidade embaixo do tapete. Bibi se tornou uma bandida. Não é a traficante, mas é processada por associação ao tráfico. Você vê glamour nisso? A trama traz uma polícia ética, bem diferente de como tradicionalmente é mostrada na dramaturgia brasileira. Essa gente me dá sono! — dispara ela, que acrescenta: — Em vez de estarem patrulhando novela, deveriam apoiar as propostas do secretário estadual de Segurança, fazer abaixo-assinados para mudar a legislação. Acho que estaríamos numa realidade melhor - disse.

     Certo é que muita gente já se preocupa em querer um final com a justiça sendo feita... E você? Acha que a Bibi tem que pagar por tudo? Quem errou a novela inteira, tem que pagar pelo que fez? Ou devemos perdoar? Participe! Dê sua opinião!

 

+ CONTEÚDO: "Conheça mais sobre a autora, Glória Perez":

GLÓRIA SUBSTITUIU JANET CLAIR

     No início de sua carreira em 1983, Glória auxiliou Janete Clair na novela "Eu Prometo". Com o falecimento de Janete, autora titular, Glória assumiu a responsabilidade e levou a história até o fim, com supervisão de texto de Dias Gomes. Em 1984 apresentou a sinopse de Barriga de Aluguel, tema polêmico e desconhecido na época. O projeto ficou na gaveta por ser considerado "fantasioso" e "inverossímil".

     Gloria foi para a TV Manchete, onde escreveu a novela Carmem, um projeto de José Wilker, então diretor artístico da Casa. A novela conseguiu altos índices de audiência, chegando a superar a Rede Globo. Devido ao sucesso, a autora voltou à sua antiga emissora para escrever a minissérie Desejo, tendo grande êxito. No mesmo ano, foi ao ar, finalmente, a novela Barriga de Aluguel. A trama, que conseguiu grande sucesso, teve seu término após 243 capítulos, sendo uma das maiores novelas em número de capítulos

"PARA CONTINUAR VIVENDO"

    Em 1992, Glória lançou De Corpo e Alma, marcada pelo assassinato de sua filha, a atriz Daniella Perez, cometido pelo colega de cena, Guilherme de Pádua. Glória teve de tirar uma folga de 15 dias, e declarou que só voltou a escrever "para continuar vivendo" e manter a sanidade apesar do trauma. Em 1995, Glória levou ao ar Explode Coração, uma trama que falava sobre a internet e as novas possibilidades que ela abria para a humanidade, incluindo a de promover encontros improváveis: no caso da novela, a de um politico importante e uma garota cigana Uma das curiosidades dessa novela é que Gloria criou um programa muito semelhante ao Skype, que ainda estava longe de existir, através do qual os protagonistas se conheciam. Além disso, na abertura, Hans Donner antecipa Steve Jobs mostrando uma tela touch screen. -

SUCESSO E UM PRÊMIO EMMY

     Uma marca das novelas de Gloria Perez são as campanhas de alcance social que ela introduz em suas tramas: crianças desaparecidas, dependentes químicos, saúde mental, tráfico humano, etc. A campanha contra as drogas de O Clone. Glória Perez ganhou um prêmio Emmy, o mais importantese troféu mundial televisivo, por sua novela Caminho das Índias.

NOVELAS DE SUCESSO

Explode coração 1995

Pecado capital 1998

O clone 2001

América 2005

Caminho das Índias 2009

Salve Jorge 2012

*

MINISÉRIES

Desejo 1990

Hilda Furacão 1998

Amazônia, de galvez a Chico Mendes 2007

O canto da sereia 2013

Dupla Identidade 2014

 

 A qualidade que você merece...

(24) 99823-2987 | 98862-1197

Rua Des. Assis Chateaubriand, 38 | 201- Aterrado

...bem pertinho de você!

 

 

PUBLICAÇÃO

Login (2)

Entrar

Acesse sua conta de usuário

Nome de usuário *
Senha *
Lembrar de mim
Banner lateral 4
Banner lateral 8
Banner lateral 5
Banner lateral 3
Banner lateral 7
Banner lateral 6
Banner lateral 1
Banner lateral 2
Banner lateral 9