Guia comercial e classificados on-line.

Por Giovanni Nogueira

Noite inspirada: Vizeu acaba com o jogo e seguro, César defende pênalti

     Nesta quinta-feira, tudo deu certo para o Flamengo que mesmo sem o zagueiro titular Réver - que sentiu um músculo ainda no aquecimento no vestiário - fez uma boa partida e venceu por 2 a 0. A zaga jogou firme, e segurou o ataque do Junior Barranquilla que precisava reverter o placar do jogo de ida. O time colombiano até criou boas chances, mas não passou do goleiro César. Eles reclamaram de um pênalti não marcado pelo árbitro chileno que compensou o mesmo em outra jogada. Apesar da boa cobrança no canto, César voou e fez a defesa. O arqueiro, mesmo sentindo cãibras ao longo do segundo tempo, foi o destaque da equipe rubro-negra ao lado do atacante Felipe Vizeu que simplesmente acabou com o jogo.

Foto: Reprodução da Internet

     Com cinco gols na competição, Vizeu fez um golaço por entre as pernas do goleiro adversário, em uma arrancada muito semelhante ao gol de Fernandinho marcado pelo Grêmio na quarta-feira diante do Lanús. Na segunda jogada, Vizeu só empurrou para as redes após receber um certeiro cruzamento rasteiro dentro da pequena área. Com dois a zero no placar o Mengão se classificou para a final da Copa Sul Americana, após ficar 18 anos sem disputar uma final internacional.

     O Fla vai enfrentar o Independiente da Argentina na decisão, com o primeiro jogo em Avellaneda (no país vizinho) na próxima quarta-feira, dia 6. O jogo de volta será no dia 13, no Maracanã.

Alex Muralha não fica nem no banco; Paquetá joga no meio

     O Fla define seu futuro na Copa Sul-Americana daqui a pouco no estádio Metropolitano de Barranquilla, na Colômbia. O técnico Reinaldo Rueda escolheu para o gol o arqueiro César, que substitui Alex Muralha, que falhou nos dois gols do Santos na derrota por 2 a 1, no último domingo. Thiago ficou no banco.

Foto: Reprodução da Internet

     No meio-campo, Lucas Paquetá, autor de um gol e dono de boa atuação no duelo com o Peixe, ganhou a disputa com Mancuello e segue como titular. Rever sentiu uma lesão durante o aquecimento, e Rodolfo entra jogando. Qualquer empate classifica o Flamengo. Derrotas por um gol de diferença porém com dois ou mais gols marcados pelos cariocas também servem. O placar de 1 a 0 para o Junior elimina o Rubro-Negro. Um 2 a 1 para os colombianos leva o duelo para os pênaltis.

O Flamengo entra em campo com César, Pará, Rodolfo, Juan e Trauco; Cuéllar, Willian Arão e Diego; Lucas Paquetá, Éverton Ribeiro e Felipe Vizeu.

 

Testes rápidos de HIV serão disponibilizados

     A Prefeitura de Volta Redonda, por meio da secretaria municipal de Saúde, vai realizar nesta sexta-feira, dia 01, diversas ações em alusão ao Dia Mundial de Luta contra a Aids. O tema do evento, que tem como objetivo reforçar a importância da prevenção às doenças sexualmente transmissíveis, é ‘A vida é melhor sem Aids. Proteja-se. Use sempre a camisinha’. Entre as ações desenvolvidas pela secretaria estão a realização de testes rápidos de HIV e panfletagem.

 

Serviço

Data: 01/12/2017 (sexta-feira)

Horário: 08h às 16h

Locais: Biblioteca Municipal (Rua General Oswaldo Pinto da Veiga, Vila Santa Cecília) e Praça Sávio Gama, Aterrado.

Em reunião na Prefeitura de Volta Redonda, Samuca Silva debate detalhes da rodovia

     A Rodovia do Contorno foi tema de uma reunião na tarde desta quinta-feira, dia 30, no Palácio 17 de Julho, na sede do governo municipal. Atendendo a um pedido do Governo do Estado e da União, a inauguração da Rodovia será na sexta-feira, dia 8, às 11h, com a presença do ministro do Transporte, Porto e Aviação, Maurício Quintella Lessa, e do governador Luiz Fernando Pezão. Samucalembrou que pedirá ao governador para convidar todos os ex-prefeitos de Volta Redonda para a entrega das obras.

Foto: Evandro Freitas / Secom VR

     - É uma obra histórica de Volta Redonda que todos os ex-prefeitos que tiveram sua participação serão convidados. O diálogo maduro entre os atuais atores foi fundamental para o andamento das obras e a abertura da rodovia. Todo o dever de casa da prefeitura foi feito. O próximo passo será procurar o MPF para discussão do Termo de Ajustamento de Conduta, destacou Samuca Silva.

Associações de moradores participaram

     Além do prefeito, participaram do encontro, o subsecretário estadual de Obras, José Portela, e representantes do Dnit (Departamento Nacional de Infraestrutura e Transporte), ANTT (Agência Nacional de Transporte Terrestre) e DER (Departamento de Estrada de Rodagem) do Rio de Janeiro. A Acciona, construtora responsável pela finalização das obras, e o Inea (Instituto Estadual do Ambiente) também participaram do encontro com Samuca Silva, além das associações de moradores de bairros próximas à rodovia.

     - Farei um contato ainda nessa semana com o Ministério Público Federal para elencar todos os pontos previstos no TAC. Estamos fazendo o nosso dever de casa para a rodovia ser aberta, o mais rápido possível,ao tráfego, frisou Samuca Silva.

     A Rodovia do Contorno, que tem quase 13 quilômetros, demorou mais de 20 anos para ser concluída e custou mais de R$ 104 milhões, segundo informações do Governo do Estado. Com o funcionamento da rodovia, a previsão é que mais de nove mil veículos pesados deixarão de passar pelo perímetro urbano de Volta Redonda, desafogando o trânsito da cidade.

     Quando um homem decide se interpor entre a barbárie e a paz são inúmeros os obstáculos que surgem em seu caminho para impedi-lo de prosseguir. Porém, a determinação e o empenho são suas armas de combate e o reconhecimento é inevitável. A noite do dia 24 de agosto é um desses momentos em que o mundo se inspirou em nos feitos de um desses homens e concedeu-lhe láureas inéditas. Estamos falando de Daisaku Ikeda, um cidadão planetário que há 70 anos vem dedicando a sua vida em prol de uma sociedade global livre da intolerância e da discriminação.

Foto: Reprodução da Internet

     O Centro de Ensino Superior de Valença-RJ – CESVA – outorgou o seu primeiro título de Doutor Honoris Causa a ele e a Fundação Educacional Dom André Arcoverde que a mantém, concedeu-lhe a Medalha que leva o nome da entidade, como reconhecimento às suas ações humanitárias em prol da paz entre os povos. “É a segunda vez na história de nossa instituição que esta Medalha foi entregue. A primeira foi ao fundador, Dom André Arcoverde. O dr. Daisaku Ikeda é a segunda pessoa a recebê-la!”, exclamou o diretor acadêmico da CESVA, prof.dr. José Rogério M.A. Neto.

FAA, QUALIDADE SUPERIOR      

     A Fundação Educacional Dom André Arcoverde – FAA foi criada em 1966 e o nome da instituição é uma homenagem a um grande educador de Valença, o bispo diocesano de 1925 a 1936. Logo em 1967, iniciaram as atividades da Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Valença – FAFIVA, com os cursos de Licenciatura em Letras, Pedagogia, História e Matemática, firmando-se pelo pioneirismo e qualidade de seu ensino. Desde o seu início, sua primeira preocupação sempre foi a de formar professores qualificados no segmento de maior relevância social, para só então oferecer outras especializações. Dessa forma, gerações de professores, da rede pública e privada da região, foram formados pela FAFIVA. Hoje, o CESVA/FAA possui alunos de dezesseis estados da federação e de 213 cidades do país. A qualidade superior de seu ensino advém de seu compromisso de oferecer o melhor e sem finalidade de lucro.

     - Honrados e felizes em prestar ao dr. Daisaku Ikeda essa homenagem e reconhecimento do Centro de Ensino Superior de Valença por sua vida dedicada à Educação, por sua luta pela paz mundial, estamos presentes nessa cerimônia para outorgarmos duas das maiores láureas acadêmicas do CESVA – Título de Doutor Honoris Causa e Medalha Dom André Arcoverde em votação unânime de nossa diretoria - iniciou assim suas palavras o reitor, prof. dr. Antônio Celso Alves Pereira.

     Ele relembrou sua experiência pessoal com o laureado, quando de sua viagem ao Japão em 1998. À época, era diretor da Universidade Federal do Rio de Janeiro e foi nessa qualidade que representou a instituição em que atuava na entrega do título de Doutor Honoris Causa outorgado por aquela instituição. “Fiquei encantado e emocionado com as instalações de ensino e pesquisa, o respeito ao meio ambiente e a atenção de que fomos alvo por parte de alunos, docentes e dirigentes da Soka Gakkai. Esse fato constituiu-se um dos momentos mais importante de minha vida!”, exclamou.

"CESVA, ORGULHO DO RIO"

     Em seu discurso de agradecimento redigido pelo homenageado e proferido pelo presidente da Soka Gakkai, Minoru Harada, o dr. Ikeda iniciou suas palavras com um sentimento de profunda afeição pelo continente sul americano: “Neste momento, meu coração atravessa o vasto pacífico, transcende a imponente Cordilheira do Andes e chega a essa honrosa solenidade conduzida pelo Centro de Ensino Superior de Valença, capital do saber e orgulho do Estado do Rio de Janeiro”. Reiterou ainda que o dia 24 de agosto marca a data de seu derradeiro ponto primordial. Foi quando decidiu dedicar sua vida ao caminho de mestre-discípulo junto com seu mentor, o professor Josei Toda.

     Relembrou que Josei Toda foi um ícone da luta contra a tirania. Foi quem apresentou aos jovens, o ideal do ser planetário e, perto de sua morte em 1957, proferiu a célebre Declaração pela Proibição das Armas Nucleares. Um brado que em julho deste ano fez-se ecoar em resultado inédito e histórico quando da adoção pela ONU do Tratado de Proibição das Armas Nucleares em 7 de julho último.

PAZ E FELICIDADE     

     Ao final, citou uma frase da grande poeta brasileira Cecília Meirelles: “A paz humana, assim como a felicidade de cada um, não é uma vantagem repentina que se conquista e se mantém para sempre. É um valoroso dever conquistado com persistência. É a junção da paz do mundo com a paz de cada um. Não adianta destruir uma fábrica de munições deixando na Terra um coração inquieto e feroz. As armas não nascem por si, representam materialmente os anseios e os sonhos dos homens”.

     Logo após a leitura da mensagem de agradecimento foi entregue ao reitor uma foto de autoria do laureado, que representa a amizade e o sentimento de profunda gratidão pelas homenagens.

Fonte:bsgi.org.br

Laudo apresentado por geólogo apontou situações de ruptura crítica da superfície rochosa; lanchonete foi interditada para evitar outros incidentes e local de manobras dos ônibus teve área reduzida

     A Secretaria de Planejamento Urbano de Barra Mansa em parceria com a Defesa Civil se reuniu na tarde de quarta-feira, dia 29, com representantes do Terminal Rodoviário Comendador Geraldo Ozório na Prefeitura de Barra Mansa. A reunião teve como objetivo apresentar as medidas sobre os deslizamentos de pedras ocorridos no último sábado, dia 25. O geólogo contratado pela Concessionária Fazendas Reunidas Ozório S/A apresentou o laudo com o estudo sobre a face rochosa do local e a Defesa Civil aumentou a área de interdição para prevenir outros incidentes.

Foto: Divulgação

MURO DE CONTENÇÃO

     De acordo com o coordenador da Defesa Civil de Barra Mansa, Serginho 'Bombeiro', os administradores da rodoviária se comprometeram a fazer um muro de contenção. “Esse muro de contenção deve limitar provisoriamente o acesso dos populares próximo ao local de deslizamento das pedras, para em seguida, ser executadas obras de contenção da encosta”, explicou.

    O laudo apresentado aponta situações de ruptura crítica da superfície rochosa. Segundo o geólogo Pablo Araújo a obra está em momento de obtenção de recursos. “Inicialmente, foi feita uma área de exclusão na base impedindo o fluxo de pessoas próximas ao local com a interdição da lanchonete e a diminuição da área de manobras dos ônibus”, destacou.

     O gerente jurídico da Concessionária Fazendas Reunidas Ozório S/A, Diogo Amaral, confirmou que após a coleta de dados necessários para as obras de contenção, a empresa apresentará o projeto à prefeitura para avaliação. “O projeto prevê a instalação de um paredão de dormentes que impedirá que qualquer tipo de bloco rochoso que deslize não cause risco material e humano”.

DUAS ETAPAS

     Segundo a arquiteta da Secretaria de Planejamento Urbano, Jane Kelmer, a administração da rodoviária sugeriu que a obra seja feita em duas etapas: a primeira seria o pedido de emissão de serviços para demarcação da área de risco com um responsável técnico civil habilitado e com acolhimento do ART (Anotação de Responsabilidade Técnica) com prazo de validade. A segunda etapa será a obra de contenção da encosta. “Esse pedido será levado para uma comissão da COPEG (Comissão Permanente de Gerenciamento)na sexta-feira, dia 1º, para ciência e manifestação sobre as providências em relação ao projeto de contenção da encosta”, afirmou Jane.

     O chefe da Divisão da Fiscalização de Obras Particulares, Rafael Montalban, afirma que a rodoviária deve entregar o recurso da intimação até esta sexta-feira. “A Concessionária Fazendas Reunidas Ozório S/A deve entregar até amanhã o recurso de intimação que eles receberam. Caso eles não atendam essa medida, a multa inicial será de R$ 529,47 de acordo com a lei nº 053/2007 que dispõe sobre o Código de Execução de Projetos, de Edificações e de Obras”, completou.

 

PUBLICAÇÃO

Login (2)

Entrar

Acesse sua conta de usuário

Nome de usuário *
Senha *
Lembrar de mim
Banner lateral 4
Banner lateral 9
Banner lateral 8
Banner lateral 1
Banner lateral 2
Banner lateral 6
Banner lateral 7
Banner lateral 5
Banner lateral 3