Banner 776 x 186 topo

Guia comercial e classificados on-line.

Na próxima semana, unidade espera contar com novos doadores para suprir as demandas diárias dos hospitais

 

Em dois dias de campanha estimulando a doação de sangue, realizada nesta terça e quarta-feira (29 e 30 de maio), o Hemonúcleo de Barra Mansa, conseguiu regular o estoque de bolsas para atender as demandas dos hospitais da região durante o ferido de Corpus Christi e o fim de semana. As doações saltaram da média de 10 doadores/dia para 30 doadores/dia.

 

A captadora de doadores da unidade, Cláudia Maria de Oliveira Alves, atribui a queda no número de doadores à temperatura mais fria, situação agravada pela greve dos caminhoneiros. “Nos meses de maio, junho e julho é recorrente a redução no número de doadores de sangue em virtude do tempo frio. Nos últimos dias, essa condição se tornou um pouco mais complexa em decorrência das dificuldades de deslocamento das pessoas até o Hemonúcleo, por conta da greve dos caminhoneiros, que acarretou a falta de combustível e a redução dos horários de ônibus”, ressalta.

 

 

Cláudia Maria afirma ainda que a média ideal para manter o estoque de bolsas em um nível razoável é de 20 a 25 bolsas da sangue/dia. “Quando vem o período de baixa nas doações recorremos às redes sociais para reverter à situação. É importante ressaltar que mesmo diante da queda no número de doadores a necessidade de sangue para atender os hospitais é diária. Durante a sala de espera que antecede a doação, esclarecemos as pessoas sobre a importância de se tornarem doadores regulares, processo que para homens deve ocorrer a cada três meses e para mulheres, a cada quatro meses”, diz.

 

DOAÇÃO – Para se tornar um doador de sangue basta se encaminhar ao Hemonúcleo de Barra Mansa, situado à Rua Pinto Ribeiro, 205, anexo a Santa Casa, no Centro. A unidade funciona de segunda a sexta-feira, com coleta de sangue das 7 às 11 horas.

 

 

Os doadores devem apresentar boas condições de saúde, ter entre 16 e 69 anos, desde que a primeira doação tenha sido feita até 60 anos (menores de 18 anos, necessitam de autorização), pesar no mínimo 50 kg, estar descansado (ter dormido pelo menos 6 horas nas últimas 24 horas), estar alimentado (evitar alimentação gordurosa nas 4 horas que antecedem a doação) e apresentar documento original com foto recente (Carteira de Identidade, Identidade Profissional, Carteira de Trabalho e Previdência Social).

 

No Hemonúcleo, o doador passa por um processo de triagem clínica e responde a um questionário básico sobre suas condições de saúde. Em seguida, são coletados de 400 a 450 ml de sangue. Uma pequena mostra do sangue coletado é encaminhado para exame de sorologia no HemoRio. O resultado chega via email. As bolsas de sangue são acondicionadas a 4º graus e têm validade de 42 dias. O material é liberado de acordo com a necessidade dos hospitais de Barra Mansa, Rio das Flores e Valença.

 

Comunicação PMBM, com foto de Chico de Assis.

 

 

PUBLICAÇÃO

Login (2)

Entrar

Acesse sua conta de usuário

Nome de usuário *
Senha *
Lembrar de mim